quarta-feira, 29 de agosto de 2007

MEDITAÇÃO POR PORTUGAL

Como tudo começou...
No dia 7 de Fevereiro de 2007, no Porto, Isaura Costa e mais 4 pessoas encontravam-se a fazer uma meditação orientada, quando o Mestre Jesus interveio para abrir um "Portal de Luz Dourada do Cristo". Dos 5, foi Isaura que ficou guardiã deste portal donde "flui uma energia intensa e maravilhosa".

No dia 12 de Julho de 2007, quinta-feira, durante uma meditação, o grupo teve a informação de que era imperioso que se criasse uma rede de meditação por todo o país. Mais que isso, durante o processo os meditadores viam-se a energizar com as mãos um mapa de PORTUGAL, que estava em cima de uma mesa branca... Logo, muitos Seres de Luz se juntaram também as suas mãos, e caíram pétalas de rosas do alto. Os Seres de Luz também os informaram que nesta cidade do Porto sempre surgiram grandes revoluções, e que esta era mais uma revolução que aqui nascia, para depois se espalhar por todo o País.

Este projecto tem como missão principal UNIR as gentes portuguesas numa Meditação por PORTUGAL. Unir, pelo ANEL do CORAÇÃO os que, dentro de si, sentirem o apelo de contribuir para o destino de PORTUGAL... Contribuir amorosamente pela JUSTIÇA, pela PAZ, por um PAÍS MELHOR.

E como fazer essa contribuição? Através de uma meditação silenciosa.

Todas as quintas-feiras das 19.30h/20..30h ou 20.30h/21.30h para melhor se adapatar às necessidades de cada um.

A meditação é o maior veículo de entrada de energia cósmica nos corpos etéricos humanos, com extraordinários benefícios para a saúde (por favor consulte: Sobre a Meditação)... Mais, é através destes corpos humanos, destes transmutadores energéticos, que se estabelece a conexão com o próprio corpo etérico da TERRA, quer no local onde a descida da energia cósmica ocorre, quer, pelos vínculos quânticos, noutros territórios ligados a PORTUGAL e às gentes portuguesas, das mais diversas maneiras.

Assim, ao contribuir desta forma amorosa e humilde, estará a entregar, nas mãos dos Seres de Luz que acompanham PORTUGAL nesta sua jornada, uma acrescida força de AMOR.

Estará a criar um ANEL do CORAÇÃO entre os Homens e os Deuses...

Contribua para a edificação da PONTE entre os amados SERES de LUZ e o nosso PORTUGAL.


O MOMENTO É AGORA!

(fonte é de: Ventos de Lys)

Consulte também o site:
www.ventosdelys.com/meditacao_portugal

sexta-feira, 10 de agosto de 2007

O Poder Índigo - autoconsciência índigo para jovens e adultos

De curiosidade circunscrita apenas a certos círculos espiritualistas, as crianças índigo rapidamente se tornaram um fenómeno mediático e tema de investigação académica. A publicação de livros e artigos na Imprensa chamaram atenção de pais e educadores para uma nova geração de crianças com características especiais, que a Ciência já reconhece, ainda que de forma tímida.

A autora da única obra escrita em Portugal sobre o assunto lançou um novo livro, dedicado aos jovens e adultos nascidos já sob o signo da Nova Era. Destacam-se pela sensibilidade apurada para temas que vulgarmente não interessam a crianças, por uma consciência social e ecológica apuradíssima, por serem sensitivos, intuitivos, dotados daquilo que alguns autores classificam de inteligência espiritual. No entanto, muitas vezes, é a tendência hiperactiva e o défice de atenção que os tornam mais notados - o que leva os pais a preocuparem-se e a procurar ajudar especializada.

Tereza Guerra - que escreveu o livro "Crianças Índigo" escreveu agora: "O Poder Índigo - autoconsciência índigo para jovens e adultos" - refere sobre estes novos Seres que "quando o assunto não lhes interessa podem apresentar características de défice de atenção, mas se, pelo contrário, algum tema lhes desperta a atenção, entregam-se apaixonadamente e passam horas atentas e envolvidas em novas descobertas".

Da sua experiência de 25 anos no domínio da educação, concluiu que estas crianças "possuem uma estrutura cerebral capaz de utilizar, simultaneamente, as potencialidades do hemisfério direito e do hemisfério esquerdo", o que significa que "conseguem ir muito mais além do plano racional e intelectual, desenvolvendo capacidades espaciais, intuitivas, criativas e espirituais". Tereza Guerra acredita que, actualmente, 90% das crianças que nascem são portadoras das características índigo. Ou seja, são especialmente "inteligentes, sensitivas, intuitivas, criativas e perceptivas e com tendência hiperactiva", além de compreenderem "facilmente as leis universais e possuírem uma memória privilegiada". "Por vezes, falam de vidas passadas com toda a naturalidade", garante a autora.

O fenómeno índigo assumiu grande visibilidade depois da publicação, na década de 90, de uma obra de Lee Caroll e J. Tober. Desde então, muitos estudos têm sido realizados sobre as crianças índigo, assim designadas por ser essa a cor associadas às suas auras. Tereza Guerra promove regularmente seminários e coordena grupos de auto-ajuda sobre a geração índigo. Mais informações no site http://www.casa-indigo.com/.

adaptado do Artigo escrito no DN por: Helena Norte

Voltaremos às crianças Indígo em breve...

(A Mónada)